"O Tigre e o Dragão" decepciona na China

O Tigre e o Dragão tem feito sucesso no Ocidente, mas sua performance na Ásia tem sido bastante fraca. O filme do diretor Ang Lee, de Taiwan, faturou apenas US$ 2,4 milhões em Hong Kong, um dos maiores mercados para o cinema de Hollywood na Ásia. Nem a presença das celebridades locais Chow Yun-Fat e Michelle Yeoh ajudou.No resto da China, a arrecadação da produção de artes marciais cheia de efeitos especiais foi ainda mais medíocre. No imenso mercado chinês, o filme faturou apenas US$ 1,2 milhão. Críticos locais têm sido duros com o filme, por achar que ele não é "verdadeiramente" chinês. O público, por sua vez, tem reclamado dos diálogos em mandarim, porque nem Yeoh nem Yun-Fat seriam fluentes na língua, de acordo com o web site Popcorn.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.