"O Sobrevivente" expõe mundo-cão da TV

Logo no começo, um letreiro informaque as cenas que o público vai ver são chocantes e podem baternos nervos de espectadores sensíveis. Irrompe uma mulher grávidae armada que mata a sangue-frio, com diversos tiros, um homemnum supermercado. É uma das participantes de The Contenders,o programa de mais sucesso na TV norte-americana. Com o títulode O Sobrevivente, o filme de Daniel Minahan estréia nesta sexta-feira no Brasil no rastro da polêmica animada por programas comoNo Limite e Casa dos Artistas.Você só não sabe do que se trata se tiver vivido fora doBrasil nos últimos tempos. Casa dos Artistas virou umfenômeno de comunicação no SBT, ameaçando a poderosa Globo, queexibe o No Limite, com o qual, a rigor, O Sobreviventetalvez tenha mais a ver. Mas, claro, como se trata de um filmenorte-americano e a cultura daquele país é baseada nas armas defogo, os contenders têm direito a portar revólveres, rifles e amatar, claro.James Bond também tem o duplo zero que lhe dá direito dematar, mas a idéia de O Sobrevivente é mostrar pessoascomuns numa situação-limite. Um velho solitário, uma adolescente, uma enfermeira religiosa, um homem com câncer nos testículos,um pai de família meio pirado e a grávida que inicia a matança,logo no começo. Em forma de noticiário de TV, a estruturanarrativa de O Sobrevivente joga com o tempo e o espaço paramostrar o que se passa na cabeça das pessoas submetidas a essapressão. Um pouco mais difícil talvez seja elucidar o porquêdessas irracionais explosões de violência.É fácil descartar O Sobrevivente como exploraçãosensacionalista de um fenômeno contemporâneo, mas o filme écertamente mais interessante e complexo do que outrosobrevivente que Arnold Schwarzenegger protagonizou num filme,também explorando o universo da TV, dirigido por Paul MichaelGlaser. É fácil, também, descartar Casa dos Artistas e NoLimite como ofensivos, o que são, realmente. Mas tanto osprogramas de TV como agora o filme ensejam a que se discuta umpouco essa ideologia do voyeurismo e do culto da celebridade queganham cada vez mais adeptos na mídia. Nesse sentido, OSobrevivente é útil, sem ser, necessariamente, bom. O Sobrevivente (Series 7). Ação. Direção de DanielMinaham. EUA/2001. Duração: 90 minutos. Belas Artes-Aleijadinho,às 16h30, 18h20, 20h10 e 22 h 18 anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.