"O Dia Depois de Amanhã" lidera bilheteria no Brasil

No mercado americano, a superprodução O Dia Depois de Amanhã não conseguiu tirar de Shrek o primeiro lugar do ranking das bilheterias. Faturou "apenas" US$ 86 milhões no feriado prolongado do Memorial Day, contra US$ 92,2 milhões da animação da DreamWorks. Mas nos cinemas brasileiros, que aguardam para 18 de junho a nova aventura do ogro, O Dia Depois de Amanhã não só tomou o topo das bilheterias como conseguiu a maior abertura do ano. Conforme o boletim Filme B, o filme teve 689 mil espectadores em apenas três dias, 9 mil a mais que Tróia, que detinha o posto.Mesmo destronado, o filme estrelado por Brad Pitt segue bem nas bilheterias, e em segundo lugar no ranking semanal. A adaptação da Ilíada de Homero já levou 2,481 milhões de espectadores aos cinemas. Com isso, chega ao quarto lugar no ranking geral de 2004, ultrapassando o filme nacional mais bem colocado, Xuxa Abracadabra, que foi visto por 2,212 milhões de pessoas. À frente de Tróia, restam A Paixão de Cristo, com 6,845 milhões; O Retorno do Rei, com 4,268 milhões; e O Último Samurai, com 2,752 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.