O Código da Vinci bate recordes no Japão

O filme O Código da Vinci estreou neste sábado no Japão em 863 cinemas e já é o maior lançamento cinematográfico até agora no país, promovido, principalmente, pela venda de 9 milhões de exemplares do livro de Dan Brown.Mais de 8 milhões de pessoas deverão assistir ao filme de Ron Howard, com Tom Hanks e Audrey Tautou, nos mais de três meses em que a película vai ficar em cartaz nas salas japonesas, segundo a Sony Pictures Entertainment, citada pela agência de notícias Kyodo.A polêmica que tem marcado o filme chegou ao Japão, um país de tradição budista e xintoísta. A crítica japonesa se concentrou nas supostas revelações secretas sobre a religião cristã contidas na obra de Leonardo da Vinci.O Escritório de Informação da Opus Dei no Japão pediu à Sony que incluísse no filme uma mensagem ressaltando que "qualquer semelhança com a realidade é mera coincidência".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.