Divulgação
Divulgação

O brasileiro Fernando Coimbra é indicado para o prêmio do Sindicato dos Diretores

O diretor de 'O Lobo Atrás da Porta' vai concorrer em categoria criada este ano para estreantes no circuito dos EUA

EFE

12 Janeiro 2016 | 18h51

O cineasta brasileiro Fernando Coimbra está entre os indicados para a 68.ª premiação do Sindicato dos Diretores de Hollywood, que ocorrerá em 6 de fevereiro em Los Angeles. Coimbra vai concorrer pelo filme O Lobo Atrás da Porta na categoria de melhor diretor estreante, criada este ano para realizadores que estrearam sua primeira obra em Nova York ou Los Angeles em 2015.

Além do brasileiro, o Sindicato dos Diretores (DGA, em inglês) também indicou como estreantes para a premiação os cineastas Joel Edgerton (O Presente), Alex Garland (Ex Machina), Marielle Heller (The Diary of a Teenage Girl) e László Nemes (O Filho de Saul).

Já para o prêmio principal de direção, o mexicano Alejandro González Iñárritu, de O Regresso, que recebeu no último domingo, 10, o Globo de Ouro de melhor drama, vai concorrer com Tom McCarthy (Spotlight), Adam McKay (A Grande Aposta), George Miller (Mad Max: Estrada da Fúria) e Ridley Scott (Perdido em Marte).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.