Wilton Junior/AE
Wilton Junior/AE

Novo longa de Heitor Dhalia está na seleção oficial de Cannes

À Deriva trata da passagem da infância para a adolescência; festival conta com curtas da diretora Vera Egito

Flávia Guerra, O Estado de S.Paulo

23 de abril de 2009 | 00h11

O festival de cinema mais importante do mundo já tem a participação brasileira garantida em sua edição 2009. À Deriva, novo longa-metragem de Heitor Dhalia (de Nina e O Cheiro do Ralo) integra a seleção oficial da mostra Un Certain Regard do festival que ocorre neste ano de 13 a 24 de maio na cidade francesa.

 

À Deriva é protagonizado pelo ator francês Vincent Cassel (de Irreversível) e conta ainda com Deborah Bloch e a atriz Camille Belle no elenco.

 

Com roteiro do próprio Dhalia, o filme leva para as telas o rito de passagem de Filipa (a estreante Laura Neiva) da infância para a adolescência. A ação se passa durante as férias de verão da garota com a família em Búzios. À Deriva também marca a estreia nas telas da parceria entre a Focus (braço independente da Universal) e a brasileira O2 Filmes.

 

Outra participação brasileira que deve chamar a atenção dos críticos é a estreante Vera Egito. Jovem diretora, Vera foi convidada pelos organizadores da Semana da Crítica (um dos principais eventos paralelos à competição oficial em Cannes) para abrir e fechar a seção com seus dois primeiros curtas. O seu filme de estreia, Espalhadas pelo Ar, e seu novo curta, O Elo, vão ser exibidos na abertura e no encerramento da semana, respectivamente.

 

Ainda há espaço para mais filmes brasileiros no festival, já que o anúncio da lista completa dos filmes em competição e integrantes das seções e mostras especiais de Cannes 2009 será divulgada nesta quinta-feira, em Paris.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.