Nova aventura de Asterix bate recordes na França

Asterix está sendo forçado a assumir o papel de defensor da França moderna contra Hollywood. Asterix e Obelix: Missão Cleópatra, o segundo filme mais caro já produzido na França, estreou nesta quarta-feira em 900 cinemas do país, um recorde. Estrelada por Gérard Depardieu (Obelix), Christian Clavier (Asterix) e Monica Belluci (no papel de Cleópatra), a fita foi lançada com uma forte campanha de marketing e estréia num momento de otimismo para o cinema francês, representado pelas altas bilheterias no exterior de filmes como Amelie e A Irmandade dos LobosO filme anterior da série, Asterix e Obelix contra César, rendeu 117 milhões de euros sem ter sido exibido nos Estados Unidos. No ano passado, a Miramax comprou os direitos de distribuição do primeiro filme e da continuação, que ainda estava sendo rodado. O sucesso das superproduções feitas na França lançou um debate no país. Enquanto muitos comemoram o fato de a indústria local estar batendo Hollywood, alguns intelectuais temem que se perca o estilo francês de se fazer filmes. Outro fato que está causando polêmica na França é a adoção da figura de Asterix pela rede McDonald´s. O personagem aparece no lugar de Ronald McDonald´s em comerciais de TV e cartazes, e a rede lançou versões de hambúrguer no "estilo gaulês". A campanha segue até março.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.