Norma Benguel diz que desconhece decisão da Justiça

No início da noite, a atriz e diretora Norma Benguel disse que não poderia comentar a decisão da Justiça Federal do Estado do Rio que tornou indisponível seus bens devido a irregularidades apontadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e pelo Ministério da Cultura na prestação de contas de seu filme O Guarani, de 1996. Norma disse que não havia sido comunicada oficialmente pela Justiça. ?Só tenhouma coisa a falar: é estranho que a imprensa saiba primeiro que os interessados. Não posso declarar nada porque nem eu nem o meu advogadofomos informados oficialmente?, declarou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.