Nicole Kidman se transforma para "habitar" Virginia Woolf

As Horas é o grande drama do ano. Baseado na obra de Michael Cunningham, com direção de Stephen Daldry, o filme traz uma irreconhecível Nicole Kidman no papel da escritora Virginia Woolf. O elenco também traz Julianne Moore e Meryl Streep. Juntas, as três dividiram o prêmio de melhor atriz do Festival de Berlim, e a produção chega com força ao Oscar, indicada às principais categorias ao lado de Chicago e Gangues de Nova York. Em entrevista ao Estado, a atriz fala do elaborado processo de composição de sua personagem. "Fiquei bastante obcecada por ela", diz. "Ouvi a voz dela, mas não queria fazer uma mímica. Apenas queria absorvê-la, habitá-la, foi isso o que tentei. Acho que estudei tanto Virginia, que poderia defender uma tese universitária", diverte-se.Nicole é umas das celebridades que mais chamam a atenção da imprensa mundial. Seu divórcio com Tom Cruise teve todos os passos acompanhados de perto. O turbulento período já ficou para trás, mas a atriz ainda é cautelosa ao responder se está vivendo dias melhores. "Talvez seja muito simplista empregar a palavra ´melhor´. Estou num estado em que digo para mim mesma: ´O que será será´. E estou bastante propensa a aceitar os altos e os baixos, deixa a vida fluir", diz. "É muito bom aceitar as lombadas da vida e não tentar controlar o futuro; viver momento a momento. Como Virginia disse: ´Você não pode encontrar a paz evitando a vida´."

Agencia Estado,

19 de fevereiro de 2003 | 11h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.