Divulgação
Divulgação

Nicolas Cage interpretará homem que caçou Bin Laden por conta própria

'Army Of One' tem direção de Larry Charles, o mesmo de 'Borat'

EFE

22 Janeiro 2015 | 09h58

O ator Nicolas Cage será o protagonista da comédia Army of One, inspirada na história real de um trabalhador da construção civil que se propõe a capturar a Osama Bin Laden por conta própria.

O longa terá direção de Larry Charles, o mesmo de Borat (2006), Bruno (2009) e O Ditador, (2011), e será produzida pela Weinstein Company.

A ideia do filme nasceu de uma matéria da revista GQ que narrava as desventuras de Gary Faulkner, operário do estado do Colorado, nos Estados Unidos, que viajou até o Paquistão para tentar matar o líder da Al-Qaeda.

Faulkner foi detido em 2010 pela polícia do país asiático, onde apreenderam uma pistola, um espada samurai, uma faca, óculos de visão noturna e literatura cristã.

O sujeito, ex-presidiário, foi deportado para os Estados Unidos, onde se tornou uma celebridade da noite para o dia, e em 2011 foi preso novamente depois de atirar durante uma briga entre vizinhos.

Cage está desde 2008 tentando resolver seus problemas fiscais após anos de grandes despesas e má gestão financeira, aguçada pela crise econômica que somaram uma dívida de US$ 14 milhões em impostos. Só nos últimos cinco anos ele estrelou 20 filmes, quase o dobro que nos cinco anos anteriores.

Mais conteúdo sobre:
Nicolas Cage

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.