AP
AP

Netflix leva primeiro longa a Festival de Veneza e concorre a prêmio principal

Longa é sobre um líder guerrilheiro africano que usa meninos como soldados, interpretado por Idris Elba; veja galeria de imagens

Michael Roddy, Reuters

03 Setembro 2015 | 18h28

Veneza pode sediar o festival de cinema mais antigo do mundo, mas este ano está abrindo caminho para o que pode ser o futuro da sétima arte, com a exibição de dois filmes do Netflix, um deles candidato ao prêmio principal.

Beasts of No Nation é estrelado por Idris Elba, de Mandela: O Caminho Para A Liberdade, no papel de um líder guerrilheiro africano que usa meninos como soldados.

Apresentado como Filme Original do Netflix, o longa é baseado no romance homônimo de Uzodinma Iweala e foi dirigido pelo norte-americano Cary Fukunaga (Jane Eyre, True Detective).

Outro filme do canal online sendo exibido fora da competição é o documentário Winter on Fire, sobre os protestos na Praça Maidan que derrubaram o então presidente da Ucrânia em 2014.

A presença marcante do Netflix em um dos mais prestigiados festivais europeus está atraindo muita atenção. Em certos setores o canal é visto como um desafio ao modelo tradicional de distribuição de filmes, especialmente nas grandes redes que normalmente exibiriam uma produção estrelada por Elba, que é cotado frequentemente como um possível James Bond no futuro.

“O interessante do Netflix estar aqui é que como a Amazon, como outras empresas não necessariamente conhecidas por um conteúdo original, eles estão realmente começando a produzir algo, estão se expandindo”, disse Jay Weissberg, crítico europeu da revista Variety, à Reuters. “Vai mudar o jogo? É difícil dizer a esta altura”.

(Reportagem adicional de Mike Davidson, Francis Maguire e Duarte Garrido)

 

Mais conteúdo sobre:
FilmecinemaFestival de Veneza

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.