Navio de 'Piratas do Caribe' é saqueado na Escócia

Ladrões levaram dinheiro e objetos do HMS Bounty, réplica de veleiro do século 18.

BBC Brasil, BBC

14 de setembro de 2009 | 16h45

Um navio usado em dois dos filmes da trilogia Piratas do Caribe foi saqueado na Escócia.

O HMS Bounty estava ancorado em Greenock, cidade no oeste da Escócia, quando foi atacado por ladrões na madrugada do sábado.

Eles roubaram uma quantia entre 50 libras e 100 libras (cerca de R$ 150 a R$ 300), além de várias peças de roupa com o brasão do Bounty.

Também foram retirados da embarcação um colete salva-vidas, um livro, uma boia e uma bandeira americana.

Histórico

A polícia pediu para que qualquer pessoa que tenha informações sobre o crime se apresente para depor.

O HMS Bounty é uma réplica do navio original do mesmo nome, famoso por ter realizado uma expedição ao Tahiti e à América em 1789.

Durante a aventura, uma revolta a bordo deixou o capitão William Bligh e 18 tripulantes à deriva.

A réplica foi construída em 1962 para servir de cenário para o filme O Grande Motim, com Marlon Brando.

O navio agora é usado para viagens turísticas e participava de uma visita a vários portos da Grã-Bretanha. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.