Na China, Warner vende DVD de "Superman" por US$ 1,70

A produtora de cinema Warner Brothers decidiu combater a pirataria de seu filme "Superman - O Retorno" na China pondo à venda a primeira versão mundial de DVDs a um preço muito abaixo da média: a partir de US$ 1,70, segundo informou a imprensa local."Esta é uma das novas iniciativas contra a pirataria da China Audio Video Warner (empresa mista da Warner na China), em colaboração com o Governo", disse o diretor-geral da filial chinesa, Tony Vaughan, em entrevista ao jornal oficial "China Daily".Vaughan explicou que as principais razões para a pirataria de DVDs e VCDs na China é o alto preço das cópias legais."Superman - O Retorno", filme de Bryan Singer que estreou na China em 11 de julho, começou a ser vendido oficialmente nesta quinta-feira em oito mil lojas de todo o país. A versão tem som e legendas exclusivamente em mandarim, como comprovou a EFE.Pelo menos em Xangai, os primeiros discos originais do filme podiam ser comprados há alguns dias em algumas lojas, ao preço de 22 iuanes (US$ 2,70).Nesta quinta também foram lançados o pacote com um documentário sobre a produção do filme, por 28 iuanes (US$ 3,50) e uma versão com acabamento mais simples, por 14 iuanes (US$ 1,70).A companhia ampliou sua rede de distribuição, dos cinco mil pontos de venda iniciais, para oito mil. Com isso, antigos vendedores da versão pirata se transformaram em vendedores oficiais.A CAV Warner adere assim à tendência das grandes distribuidoras internacionais de corrigir suas estratégias para combater perdas causadas pela pirataria. Muitas delas estudam incentivos e vantagens suficientes para que o consumidor prefira pagar um pouco mais e adquirir o disco original.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.