Murilo Benício quer virar diretor

Murilo Benício diz que já não faz mais questão de protagonizar uma novela das oito, como fez em O Clone. O galã da novela Chocolate com Pimenta está gostando da trama de Walcyr Carrasco justamente porque lhe dá mais tempo para seu único objetivo daqui para frente: virar diretor. "Estou direcionando minha carreira para ser diretor de teatro e cinema. E, no momento, as coisas estão dando supercerto, graças a Deus", afirma. Seu primeiro trabalho como diretor será visto no início de 2004, quando estréia seu longa Beijo no Asfalto, história de Nelson Rodrigues. Além de estrear logo de cara com a obra de um dos maiores dramaturgos brasileiros, Murilo ainda vai competir com a versão de Bruno Barreto, de 1981. O fato causa estranheza ao diretor Antunes Filho. "Só fui enfrentar Nelson Rodrigues nos tablados lá pelos 40 anos. Eu não seria louco de começar logo com uma obra como Beijo no Asfalto", opina Antunes. Apesar de estrear com um texto de peso, Murilo reconhece que é um novato. "Quando eu virar diretor de verdade, quero experimentar novos atores. Estou animado, quero emplacar um segundo filme logo, logo."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.