Mostra em BH focaliza cinema latino

Começa amanhã em Belo Horizonte a Mostra Internacional de Cinema - América Latina, com entrada franca. O evento vai até o dia 12, exibindo cerca de 80 filmes, entre curtas, longas e animação, além de uma oficina de cinema e mesas-redondas com diretores e produtores.São três módulos: a Mostra Principal, para produções em 35mm e em vídeo, integrada por diretores consagrados e novos talentos, a de Documentários e a de Cinema de Animação. Os filmes em exibição foram produzidos na década de 90 em 11 países latino-americanos: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, México, Peru, Uruguai e Venezuela. Será apresentado somente um filme brasileiro, O Circo das Qualidades Humanas, em uma sessão para convidados.A mostra tem periodicidade bienal e dedica cada edição à cinematografia de um continente. Segundo a organização, a edição deste ano tentou representar o maior número possível de países, embora muitos deles não tenham alcance internacional. Destaque para o cinema argentino, com a exibição de nove filmes, entre eles, os recentes Mundo Grua , de Pablo Trapero, e Esperando o Messias , de Daniel Burman. Do México serão exibidos seis longas, como Amores Perros , de Alejandro González Iñarritu, que venceu o prêmio da crítica e ganhou menção especial da 24ª Mostra Internacional de São Paulo.Os filmes deste ano, em película e em vídeo, serão exibidos nos cinemas Espaço Unibanco Nazaré (R. Guajajaras, 37, Centro), Cine La Bocca (R. Ouro Preto, 103, B. Barro Preto), Humberto Mauro (Av. Afonso Pena, 1537, Centro), Galpão Cine Horto (R. Pitangui, 3613, Horto), Centro de Referência Audiovisual - CRAV (Rua Estevão Pinto, 601, Serra), Centro de Cultura BH (R. Bahia, 1149, Centro) e Centro Cultural UFMG (Av. Santos Dumont, 174, Centro). Mostra Internacional de Cinema - América Latina. De 07 a 12 de novembro em Belo Horizonte. Entrada franca, com ingressos distribuídos meia hora antes de cada sessão. Mais informações com Carmem Matos, Carlos Fróes e Alexandre Farid nos telefones 0 _ _ 31 3277-4620 ou 3277-4682.

Agencia Estado,

06 de novembro de 2000 | 18h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.