Jackson Romanelli/Universo Produção/Divulgação
Jackson Romanelli/Universo Produção/Divulgação

Mostra de Cinema de Tiradentes chega ao fim com 'Sessão Bruta' vencendo prêmio principal

Ao todo, foram exibidos 169 filmes ao longo de nove dias de evento

Redação, O Estado de S.Paulo

30 de janeiro de 2022 | 11h55

A 25ª Mostra de Cinema de Tiradentes chegou ao fim no último sábado. Entre 21 e 29 de janeiro de 2022, de forma online, foram exibidos 64 longas-metragens, 102 curtas e três médias, além da presença de 119 convidados.

O grande vencedor deste ano foi o filme Sessão Bruta, recebendo o Troféu Barroco como melhor filme da Mostra Aurora. Com 84 minutos de duração e categorizada como "experimental", a produção conta com a seguinte sinopse: "Rodado a quente com uma câmera Mini-DV, em 2018, sem grandes preparativos, mas com muito suor e cerveja, o filme se apresenta como uma sucessão de prólogos de um filme sempre por fazer. O que une todos é o desejo de pegar para si uma fatia do mundo."

Houve outras 11 mostras além da Aurora: Olhos Livres, Temática, Homenagem, Autorias, Praça, À Meia-noite Levarei sua Alma, Sessão Debate, Valores, 25 anos, Jovem e Mostrinha. Os Primeiros Soldados, de Rodrigo de Oliveira, recebeu o Troféu Carlos Reichenbach na mostra Olhos Livres e o curta Uma Paciência Selvagem nos Trouxe até Aqui, de Érica Sarmet, levou a mostra Foco e o Prêmio Canal Brasil de Curtas. 

A temática oficial da 25ª Mostra de Cinema de Tiradentes foi "cinema em transição", com curadoria de Francis Vogner dos Reis e Lila Foster, e o homenageado em 2022 foi o cineasta Adirley Queirós, de Ceilândia (DF).

O júri oficial da mostra Tiradentes foi composto por Alessandra Soares Brandão, Ivana Bentes, Marcelo Ribeiro, Ricardo Aleixo e Yuri Firmeza. Já o júri jovem foi formado por Adler Correa, Maria Sucar, Nayla Guerra, Nina Camurça e Renan Eduardo, todos entre 20 e 24 anos de idade.

Confira abaixo a lista de vencedores da 25ª Mostra Tiradentes de Cinema.

 

Tudo o que sabemos sobre:
cinemaMostra de Cinema de Tiradentes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.