Morre o cineasta João César Monteiro

O cineasta português João César Monteiro, diretor de A Comédia de Deus, filme que recebeu o Leão de Ouro de Veneza em 1995, morreu hoje, vítima de câncer. Ele faleceu um dia depois de completar 64 anos.Suas obras são marcadas pela irreverência, como é o caso de Branca de Neve, em que a tela permanece escura durante os 75 minutos de duração do filme. A exibição de Branca de Neve foi alvo de uma enorme polêmica em Portugal, pelo fato de ele ter recebido subsídios por uma obra sem uma imagem.João César Monteiro estudou cinema na London School of Technique. Seu primeiro filme, iniciado em 1965, demorou cinco anos para ficar pronto.Entre seus filmes estão Recordações da Casa Amarela e As Bodas de Deus.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.