Instagram/ @aholdenj
Instagram/ @aholdenj

Morre Michael Chapman, diretor de fotografia de 'Taxi Driver'

O 'poeta das calçadas' morreu aos 84 anos de uma insuficiência cardíaca em Los Angeles, na Califórnia

Agências, EFE

22 de setembro de 2020 | 10h55

LOS ANGELES -  Michael Chapman, conhecido por seu trabalho nos clássicos de Martin Scorsese Taxi Driver, Touro Indomável e O Último Concerto de Rock, morreu aos 84 anos.



A notícia foi revelada por sua mulher, a roteirista Amy Holden Jones, por meio de suas redes sociais. 

Chapman, conhecido como “o poeta das calçadas” por seu trabalho em Taxi Driver, morreu no domingo, 20, de uma insuficiência cardíaca em Los Angeles, na Califórnia. 

Seu trabalho foi recompensado com duas indicações ao Oscar por Touro Indomável e O Fugitivo, de Andrew Davis.

Chapman, pupilo do célebre Gordon Willis (O Poderoso Chefão), deixou sua marca em obras conhecidas como Vampiros de Almas, Os Fantasmas Contra Atacam, Os Caça-Fantasmas 2, Um Tira no Jardim de Infância, Dr. Hollywood - Uma Receita de Amor e Space Jam: O Jogo do Século.

Ele começou como operador de câmera na indústria, trabalhando em obras como Loving, Klute - O Passado Condena e O Poderoso Chefão, antes de se começar a colaborar com Steven Spielberg em Tubarão.


 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Goodbye to the love of my life. Michael Chapman Sept 20 2020

Uma publicação compartilhada por Amy H. Jones (@aholdenj) em



Sua estreia como diretor de fotografia foi em A Última Missão (1973), um filme protagonizado por Jack Nicholson.

O trabalho de Chapman, rodando en preto e branco a brutalidade dos boxeadores em Touro Indomável é analisado até hoje nas escolas de cinema, igualmente aos seus movimentos de câmera, que fazem com que o espectador se sinta como se estivesse dentro do ringue.

Além disso, suas colaborações com Scorsese se estenderam, em 1987, ao vídeo musical que gravaram para Bad de Michael Jackson.

Seu último trabalho como diretor de fotografia foi Ponte para Terabítia (2007).

Chapman também experimentou se colocar detrás das câmeras como diretor e rodou, entre outros, os filmes A Chance, com Tom Cruise, e A Tribo da Caverna do Urso, protagonizada por Daryl Hannah.

Apareceu como ator, assim mesmo, em mais de uma dezena de produções, ainda que fossem com pequenas aparições.

Tudo o que sabemos sobre:
cinemaMichael Chapman

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.