ROBYN BECK / AFP
ROBYN BECK / AFP

Morre Larry McMurtry, roteirista de 'O Segredo de Brokeback Mountain'

O escritor americano morreu aos 84 anos de parada cardíaca, informou o seu agente

Agências, AFP

26 de março de 2021 | 19h05


LOS ANGELES, EUA - O escritor americano Larry McMurtry, famoso por ter co-redigido o roteiro do filme O Segredo de Brokeback Mountain, morreu aos 84 anos, informou sua agente à AFP nesta sexta-feira, 26.

"Larry McMurtry faleceu na noite passada, 25 de março, de parada cardíaca", disse Amanda Lundberg.  

O escritor "estava cercado por entes queridos com quem vivia, incluindo sua parceira de roteiros, Diana Ossana, sua esposa, Norma Faye, e seus três cães", acrescentou em comunicado. 

Seu filho, o cantor de música folk James McMurtry, e seu neto também estiveram presentes ao lado do artista, que será enterrado em seu estado natal, o Texas. 

Larry McMurtry dividiu o Oscar com Diana Ossana em 2006 pelo roteiro de O Segredo de Brokeback Mountain, adaptação de uma história de Annie Proulx, na qual o escritor texano revisita o faroeste, seu gênero favorito, sob a ótica de um amor homossexual entre dois caubóis. 

O filme de grande sucesso ganhou um Oscar de melhor diretor e uma indicação na categoria de melhor filme.

Descrito como "o Flaubert das grandes planícies" por um de seus editores, McMurtry escreveu cerca de trinta romances, incluindo seu sucesso Lonesome Dove, e mais de quarenta roteiros. 



Seu romance Horseman, Pass By, do início dos anos 1960, foi adaptado para um filme sob o título The Wildest Of All, com Paul Newman e Patricia Neal. 

Os temas de western e dos Estados Unidos rural também estiveram presentes em seu romance The Last Picture Show, que McMurtry adaptou como roteiro para o filme de mesmo nome dirigido por Peter Bogdanovich, em 1971, e que já lhe rendeu uma indicação ao Oscar. 

Apaixonado por livros, o escritor abriu no final dos anos 1980 uma das maiores livrarias independentes dos Estados Unidos na pequena cidade texana de Archer City, onde nasceu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.