Morre diretor holandês que venceu o Oscar

Vencedor do Oscar de filme estrangeiro de 1987, com O Ataque, o diretor holandês Fons Rademakers morreu na quinta-feira, aos 86 anos, de enfisema, em Genebra. Tendo se iniciado no teatro, com Jean-Louis Barrault, ele foi assistente de Jean Renoir e Vittorio De Sica, antes de iniciar sua carreira como diretor de crônicas provincianas que foram se tornando cada vez mais sombrias, até seu filme sobre o massacre de uma família holandesa, durante a 2.ª Guerra, visto pelos olhos de um garoto de 12 anos que vira homem marcado pela terrível experiência. The Assault, título original, baseia-se no livro de Harry Mulisch.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.