AP
AP

Atriz Doris Day morre aos 97 anos

Vítima de pneumonia, estrela de filmes de comédia morreu em sua própria casa, na Califórnia

Redação, AFP

13 de maio de 2019 | 10h27

A atriz norte-americana Doris Day, conhecida por sua atuação em filmes de comédia, morreu nesta segunda-feira, 13, vítima de pneumonia, aos 97 anos. O anúncio foi feito pela Doris Day Animal Foundation.

Day morreu na segunda-feira em sua casa em Carmel Valley, Califórnia. A fundação diz em um comunicado enviado por e-mail que estava rodeada de amigos íntimos e "estava em excelente estado de saúde física para sua idade, até recentemente contrair um caso grave de pneumonia". Ela era conhecida como cantora e atriz em melodramas, musicais e comédias sexuais inocentes, que fizeram dela uma grande estrela nos anos 50 e 60 e uma das atrizes de cinema mais populares da história.

Em O Homem que Sabia Demais, por exemplo, dirigido por Alfred Hitchcock em 1956, uma canção executada por Doris é essencial para o enlace da trama de espionagem e logo se tornou um dos hits da atriz: Que Será, Será.

A voz cadenciada de Day, a beleza loura e o sorriso ultra-brilhante trouxeram-lhe uma série de sucessos, primeiro em discos, depois em Hollywood. Ela celebrou seu 97º aniversário em 3 de abril.

Tudo o que sabemos sobre:
Doris Day

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.