Morre a atriz francesa Claude Jade

A atriz francesa Claude Jade, musa do cineasta francês François Truffaut, morreu neste sábado, aos 58 anos, vítima de câncer.Claude obteve grande popularidade ao interpretar a namorada e posterior esposa de Antoine Doinel na trilogia de Truffaut composta por Beijos Proibidos (1968), Domicílio Conjugal (1970) e O Amor em Fuga (1978).A atriz foi descoberta no teatro, quando interpretava Frida na peça Enrique IV, de Luigi Pirandello.Sua entrada na grande tela, pelas mãos de Truffaut, possobilitou que ela posteriormente trabalhasse com outros grandes diretores, como Alfred Hitchcock, com quem fez Topázio, em 1969, interpretando Michèle Picard, filha de um agente secreto e esposa de um jornalista. A atriz trabalhou ainda com outros grandes nomes do cinema mundial, como Edouard Molinaro, Gérard Brach e Benoit Lamy.Nos últimos anos, Claude Jade se dedicou a trabalhos na televisão, acumulando participações em diversas séries policiais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.