AP Photo/Kirsty Wigglesworth, File
AP Photo/Kirsty Wigglesworth, File

Michael Keaton revela por que largou os filmes de 'Batman'

Depois de protagonizar duas produções dirigidas por Tim Burton, o ator recusou o papel em 'Batman Eternamente', de Joel Schumacher

AP

04 de janeiro de 2017 | 14h29

LOS ANGELES - Michael Keaton revelou a razão por trás da sua saída da franquia do Batman após dois filmes. Keaton fez o super-herói em Batman (1989) e Batman: O Retorno (1992), ambos dirigidos por Tim Burton. Joel Schumacher foi contratado para dirigir Batman Eternamente (1995), e Keaton decidiu passar o papel para frente.

O ator disse numa entrevista ao The Hollywood Reporter que o roteiro para filme "nunca foi bom". Ele disse que não entendeu por que Schumacher "queria fazer aquilo" com o filme, que tinha um tom mais leve do que os dois antecessores.

Val Kilmer assumiu o papel do homem morcego.

Keaton está em cartaz nos EUA com o filme The Founder (Fome de Poder), uma biopic sobre um dos criadores do McDonald's, Ray Kroc.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.