EFE/Mario Guzm
EFE/Mario Guzm

México ganha maior museu da América Latina dedicado a fãs da saga Star Wars

O Museu Estelar conta com 4 mil peças, entre naves de diferentes tamanhos, bustos de droides e sabres de luz de edições limitadas

Redação, EFE

24 de outubro de 2019 | 08h25

Fãs de Star Wars ganharam nesta quarta-feira, 23, na Cidade do México, um novo lugar para conhecer de perto detalhes do universo criado por George Lucas: o Museu Estelar.

Ewoks, bustos de droides, "action figures" de todos os tamanhos, soldados do Império, sabres de luz de edições limitadas, naves de diferentes dimensões são alguns dos exemplos das 4 mil peças que ocupam as vitrines deste museu, o maior da América Latina dedicado a saga de Luke Skywalker, Han Solo, Princesa Leia e Chewbacca.

"Esse museu é um sonho que se tornou realidade. É uma exibição de colecionáveis, peças únicas e edições limitadas com as quais podemos recriar a infância de muitos nós. É de fãs para fãs. Esperamos levá-los a uma galáxia muito distante", disse o diretor do Museu Estelar, César Cruz, durante a inauguração.

Grande seguidor da saga de George Lucas, Cruz diz que não teria acreditado se tivesse tido a oportunidade de visitar um museu como o criado agora por ele quando criança.

Os objetos favoritos de Cruz na coleção são os 'vintages', lançados na época em que os primeiros filmes da saga ganharam as telonas dos cinemas, ainda na década de 1980.

A coleção foi cedida por José Kalach, que a constrói há mais de 40 anos. O valor dos itens expostos no Museu Estelar, segundo o diretor do local, é incalculável.

"O importante é o valor sentimental de cada uma das peças", destacou Cruz.

Os ingressos para entrar no museu são gratuitos, mas é necessário fazer uma reserva via internet.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.