AFP
AFP

Meryl Streep presidirá o júri do Festival de Berlim de 2016

Atriz se disse emocionada e ansiosa por participar do evento e nessa posição; a Berlinale será realizada em 11 de fevereiro

Michael Roddy, Reuters

14 Outubro 2015 | 13h00

Meryl Streep, que durante quase 40 anos dedicados ao cinema jamais participou do júri de um festival, irá presidir o júri do 66º Festival Internacional de Cinema de Berlim em fevereiro de 2016, anunciou a organização do evento nesta quarta-feira, 14.

“É uma emoção voltar ao festival em qualquer circunstância, mas é com grande deleite e ansiedade que antecipo atuar no júri”, disse Meryl em um comunicado divulgado pelo festival, conhecido como Berlinale, onde foi convidada em várias ocasiões e recebeu um prêmio em 2003.

“A responsabilidade é algo intimidante, já que nunca fui presidente de nada antes, e espero me colocar à altura do precedente criado pelos júris distintos dos anos anteriores. Agradeço a honra”, disse.

A atriz veterana dividiu o Urso de Prata de 2003 com Julianne Moore e Nicole Kidman por suas atuações no filme “As Horas”. Em 2012, o festival lhe deu um prêmio pelo conjunto da obra e exibiu uma seleção de seus filmes.

“Meryl Streep é uma das artistas de cinema mais criativas e multifacetadas. Para mostrar nosso entusiasmo por seu talento extraordinário, lhe concedemos o Urso de Prata Honorário em 2012 pelas conquistas de sua carreira”, afirmou o diretor da Berlinale, Dieter Kosslick.

“Estou muito feliz por ela estar retornando a Berlim e, com sua experiência artística, assumir a presidência do Júri Internacional.”

O Festival de Cinema de Berlim, uma das principais plataformas do cinema europeu, começa no dia 11 de fevereiro do próximo ano.

 

Mais conteúdo sobre:
cinema Meryl Streep

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.