Reuters
Reuters

Meryl Streep celebra estrangeiros nos Estados Unidos em discurso no Globo de Ouro

Em discurso politizado, atriz lembrou dos vários atores de origem estrangeira

O Estado de S.Paulo

09 Janeiro 2017 | 01h47

Em um discurso emocionado e contundente, a atriz Meryl Streep celebrou a presença de estrangeiros, e especialmente no cinema de Hollywood, ao ser homenageada na noite deste domingo, 8, no Globo de Ouro 2017. Ela recebeu o Cecil B. DeMille Award, prêmio pelo conjunto da obra. 

Meryl chegou a dizer: "se os deportássemos (os estrangeiros), estaríamos só vendo futebol e MMA". A fala da atriz soou como recado ao presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump.  Ela se lembrou ainda que o Globo de Ouro é entregue pela Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood (HFPA, na sigla original).

 

Mais conteúdo sobre:
Globo de Ouro Meryl Streep Cinema

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.