Claudio Onorati/ EFE
Claudio Onorati/ EFE

Menino e seu cavalo buscam gentileza com 'Lean on Pete', no Festival de Veneza

Filme é um dos 21 longas competindo pelo Leão de Ouro, que será entregue em 9 de setembro

Agnieszka Flak e Hanna Rantala, Reuters

02 de setembro de 2017 | 17h35

Um adolescente solitário coloca o pé na estrada com um cavalo de corrida em envelhecimento que salvou do abate em um filme que estreou em Veneza nesta sexta-feira e que, de acordo com sua estrela, é sobre uma simples, porém rara, qualidade humana: gentileza.

Charlie Plummer interpreta Charley em Lean on Pete, um jovem de 15 anos cuja mãe lhe deixou quando era criança e cujos problemas do pai com bebidas e mulheres geram um monte de dificuldades.

Ao lado do cavalo que criou um vínculo de amizade durante um emprego de verão em uma pista de corridas local, Charley, sem casa e sem dinheiro, dispara pelo deserto esperando encontrar um lugar para chamar de casa com uma parente que não vê há anos.

Plummer, de 18 anos e que assume o maior papel de sua carreira, disse à Reuters no Festival de Cinema de Veneza que o filme desafia o espectador a sentir mais compaixão pelas pessoas que estão enfrentando dificuldades na vida, incluindo moradores de rua.

“Nós precisamos de mais gentileza e compaixão no mundo e nós precisamos poder perceber que todos estão lutando e entender que nós somos mais parecidos do que somos diferentes e sentir isto”, disse.

Dirigido pelo cineasta britânico Andrew Haigh, Lean on Pete é baseado no livro de Willy Vlauti. No elenco, Charlie Plummer, Steve Buscemi, Chloë Sevigny, Steve Zahn. 

Haigh, aclamado pelo romance gay de 2011 “Weekend”, disse que “Lean on Pete” é algo parecido com uma história sobre amadurecimento.

“É quase como se Charley não tivesse tempo nem mesmo para começar a entender realmente quem ele é, porque está sempre se mudando e lutando e tentando ter algum tipo de casa”, disse Haigh.

“Foi quase como se a história de amadurecimento fosse o próximo capítulo nesta história, estranhamente. Isto foi algo que realmente me atraiu sobre isto”.

O filme é um dos 21 longas norte-americanos e internacionais competindo pelo Leão de Ouro, que será entregue em 9 de setembro.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.