Mel Gibson domina a lista dos mais poderosos

Mel Gibson, o diretor do controverso A Paixão de Cristo entrou com grande destaque na lista anual dos mais poderosos feita pela revista Entertainment Weekly."O que antes parecia como um negócio arriscado (Gibson até mesmo disse que Deus dirigiria o filme por ele) se mostrou uma das peças de mais sucesso na história de Hollywood, com US$ 610 milhões de arrecadação em todo o mundo" disse a revista.Apesar de estar em destaque, Gibson não está em primeiro lugar da lista porque a revista trocou sua tradicional lista numérica por um resumo com as pessoas cujas vidas e carreiras mudaram drasticamente em um ano. Agora, a revista mostra aqueles que ganharam poder em filmes, música e televisão em listas separadas.Gibson está na capa da revista. "Quando você pensa que ele gastou US$ 25 milhões do próprio dinheiro para fazer um filme em aramaico, é incrível", disse Ben Svetkey, da sede de Los Angeles da revista. Além de Gibson, outros poderosos de acordo com a Entertainment Weekly são Will Ferrell, Tina Fey, Michael Moore, Lindsay Lohan, Harvey Weinstein, Janet Jackson, Larry e Andy Wachowski, Vin Diesel e as gêmeas Olsen.

Agencia Estado,

15 de outubro de 2004 | 18h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.