Marvel processa Sony por Homem-Aranha

A gigante dos quadrinhos Marvel está processando a Sony Pictures Entertainment, que levou o Homem-Aranha para as telas. O processo corre em segredo de Justiça, por isso não foram divulgados detalhes sobre a ação. No entanto, a Marvel divulgou um comunicado informando que o processo se deve a problemas de licenciamento com a marca Homem-Aranha. A Sony ganhou cerca de US$ 400 milhões com o filme Homem-Aranha, que foi a maior bilheteria de 2002. O sucesso da produção levou, como é de costume, ao lançamento de uma série de produtos com a marca do principal herói da Marvel. Mesmo processando a Sony, a Marvel espera que o processo não atrase a produção da seqüência de Homem-Aranha, prevista para chegar aos cinemas em maio de 2004.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.