Marlon Brando é processado

Uma mulher que é mãe de três filhos de Marlon Brando, frutos de uma relação de 14 anos, entrou com uma ação judicial contra o famoso ator norte-americano no valor de US$ 100 milhões.A ação legal que entrou na Corte Suprema de Los Angeles e foi apresentada por Maria Cristina Ruíz, de 43 anos. Brando, de 78 anos de idade, deixou de pagar pensão para a mulher em dezembro, apesar de continuar sustentando os três filhos, segundo os documentos apresentados no tribunal por Maria Cristina."O que havia entre nós era um casamento, com anel de noivado e de bodas, mas sem cerimônia legal", sustentou a mulher, que pediu os US$ 100 milhões como ressarcimento, pois disse que "dedicou cada momento de sua vida às necessidades de Brando e de seus filhos, sacrificando suas necessidades pessoais".As biografias do ator, que teve uma vida conjugal complexa, falam de três casamentos oficiais, com Anna Kashfi, María Castenada e Tarita Teripia, e de pelo menos sete filhos. O ator não comentou nada sobre o caso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.