"Mar Adentro" vence Goya; Carlinhos Brown

O filme Mar Adentro, do jovem diretor Alejandro Amenabar, de 32 anos, foi o grande vencedor do principal prêmio do cinema espanhol e rendeu ao ator Javier Bardem, de 35 anos, o Goya de melhor ator. O músico brasileiro Carlinhos Brown conquistou o prêmio na categoria canção original, com Zambie Mameto.A música está na trilha de O Milagre do Candeal, documentário que o diretor espanhol Fernando Trueba, rodou na Bahia, retratando os projetos que Brown desenvolve no Candeal, com a sua Associação Pracatum. Um dos músicos que participa das filmagens é o cubano Bebo Valdez, um pianista de 85 anos que é pai do também pianista Chucho Valdez, que vive em Cuba.Acidente - Estrelado por Javier Bardem, o filme conta a história verídica de um homem que passou 30 anos tentando acabar com sua vida com dignidade, depois que um acidente o deixou paralisado. Entre as categorias nas quais Mar Adentro venceu estão melhor filme, melhor diretor, para Alejandro Amenabar, e melhor ator, para Bardem.Mar Adentro é favorito ao Oscar de melhor filme estrangeiro. Ele concorre ao prêmio da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, em Los Angeles, com As It Is In Heaven, A Voz do Coração, Downfall e Yesterday.Bardem faz o papel de Ramon Sampedro, que ficou paralisado do pescoço para baixo em um acidente de mergulho e morreu em 1998, aos 55 anos.Mar Adentro já ganhou o Globo de Ouro de melhor filme estrangeiro, além de ter sido bem recebido em diversos festivais e de ter tido o reconhecimento de críticos em todo o mundo.Bardem já tinha sido indicado para o Oscar por Antes do Anoitecer, em 2001.Amenabar dirigiu Abre Los Ojos (que teve um remake, Vanilla Sky) e Os Outros, com Nicole Kidman.

Agencia Estado,

31 de janeiro de 2005 | 16h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.