Luana Piovani será vilã em "Tainá 2"

Luana Piovani foi escalada para viver uma vilã em Tainá, uma Aventura na Amazônia 2, filme que deve começar a ser filmado em novembro. Segundo os produtores da seqüência, a atriz se mostrou interessada na empreitada. "No passado estivemos em Nova York para um festival, e encontramos com a Luana. Ela teve contato com a Eunice Baia (que vive a indiazinha protagonista) e percebemos que houve uma empatia muito grande entre as duas. Além disso, a Luana é uma mulher exuberante", diz o produtor Pedro Rovai.A equipe de filmagens deve permanecer a mesma, e, mesmo um pouquinho mais velha, Eunice continuará no papel da garotinha que luta para salvar a floresta amazônica da destruição. O enredo continua tendo a preservação ambiental em seu foco. "A essência é a mesma, mas agora Tainá passa a defender a Amazônia de maneira menos ingênua", explica Rovai.Com direção de Tânia Lamarca e Sérgio Bloch. a primeira versão do longa-metragem, lançada em 2000, já correu inúmeros países e recebeu prêmio importantes como o de melhor filme no 13º Vienna International Film Festival, em Viena, Áustria. Agora, Tainá está sendo utilizado como projeto educativo na Holanda e Escócia.Toda a repercussão internacional gerou novas parcerias. As exibições durante o Festival de Cinema de Shangai, na China, renderam um convite de uma das maiores produtoras do país para transformar o filme em desenho-animado. Serão 26 capítulos, de 22 minutos cada, a serem veiculados em emissoras do Brasil e do exterior.A produtora TeleImage, responsável pelo desenho, diz que o projeto está em fase de desenvolvimento de roteiro e de personagem, mas já recebeu propostas de canais americanos. "Estamos tentando criar histórias que possam ser entendidas por crianças de qualquer parte do mundo", diz Roberto D´Ávila, diretor de conteúdo da TeleImage. Com um investimento de US$ 2 milhões, os trabalhos tiveram início neste mês. A estréia de Tainá, em desenho animado, está prevista para o segundo semestre de 2003.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.