Lindsay Lohan deixa centro de reabilitação em Los Angeles

Atriz estava internada desde setembro para tratar de sua dependência química

Efe,

04 de janeiro de 2011 | 00h59

LOS ANGELES - A atriz Lindsay Lohan abandonou nesta segunda-feira, 3, o centro de reabilitação Betty Ford, em Los Angeles, onde se submeteu durante os últimos noventa dias a um programa para tentar superar sua dependência química, informou a revista People em sua edição digital.

 

LiLo, de 24 anos, arrasta um longo processo judicial que iniciou em 2007, quando foi detida por dirigir embriagada. Posteriormente, a atriz se complicou após descumprir ordens judiciais em várias ocasiões.

 

No fim de setembro, Lindsay violou a liberdade condicional depois que dois testes antidrogas deram positivo.

 

A protagonista de 'Sexta-feira Muito Louca' ficou presa durante algumas horas, até que pagou fiança de US$ 300 mil.

A atriz optou então por ingressar voluntariamente no centro Betty Ford, onde está desde 28 de setembro.

Em 22 de outubro, ficou decidido após decisão judicial que Lohan continuaria em tratamento até 3 de janeiro e que a revisão do seu caso seria realizada em 25 de fevereiro.

 

Após deixar a clínica de reabilitação, a atriz teria alugado uma casa de praia em Los Angeles, pela qual pagará mais de US$ 7 mil mensais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.