Kyle Grillot/ Reuters
Kyle Grillot/ Reuters

Lashana Lynch revela que será a primeira mulher a interpretar o agente 007 no cinema

A atriz, que faz parte do elenco de '007 - Sem Tempo Para Morrer', confirmou que substituirá Daniel Craig; veja trailer

Ansa, Redação

09 de novembro de 2020 | 09h01

O próximo filme da franquia James Bond terá Lashana Lynch como a nova espiã 007. A atriz, que faz parte do elenco de 007 - Sem Tempo Para Morrer, confirmou que substituirá Daniel Craig.

A declaração foi dada em entrevista à revista Harper's Bazaar, na qual Lynch explica que sua personagem, Nomi, herdará o título de agente depois de Bond ter se aposentado do serviço secreto britânico na última produção. Ela será a primeira mulher e negra no papel.

"Eu não quis perder a oportunidade quando vi o que ela [Nomi] poderia representar. Fui atrás dos momentos no roteiro em que o público negro balançaria a cabeça, lamentando a realidade, mas vendo suas vidas representadas", afirmou.

Segundo Lynch, em todo projeto que ela faz parte, "não importa o orçamento ou o gênero, a experiência negra" que está "apresentada precisa ser 100% autêntica".

Antes da confirmação, a atriz chegou a sofrer diversas críticas quando seu nome foi cogitado para o papel. "Eu sou uma mulher negra, se fosse qualquer outra mulher negra escalada para o papel, teria sido a mesma conversa, ela teria recebido os mesmos ataques, o mesmo abuso. Eu só tenho que me lembrar que a discussão está acontecendo e que eu faço parte de algo que será muito, muito revolucionário", explicou ela na época.

O 25º filme da série dedicado ao famoso personagem inspirado nos romances do escritor Ian Fleming é dirigido por Cary Fukunaga e estreará nos cinemas em abril de 2021 após a data ter sido adiada por duas vezes devido à pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2). 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.