Hannibal Hanschke/ Reuters
Hannibal Hanschke/ Reuters

'Khook – Pig' desafia estereótipos do Irã no Festival de Berlim

Comédia sobre um diretor de cinema sendo protegido por sua família de um serial killer

Riham Alkousaa, Reuters

22 de fevereiro de 2018 | 12h51

Uma comédia sobre um diretor de cinema sendo protegido por sua família de um serial killer desafia estereótipos sobre o Irã e mulheres iranianas no Festival de Cinema de Berlim, disse o diretor do filme nesta quarta-feira.

”Há mulheres fortes no Irã e eu escolhi mostrá-las de forma oposta às imagens rotineiras que representam a vocês mulheres iranianas como vítimas”, disse o diretor iraniano Mani Haghighi em entrevista coletiva após exibição do filme Khook – Pig.

No filme, Hasan Kasmai, um cineasta, começa a entrar em pânico após entrar em uma lista negra e perder a atriz que transformou em estrela e que agora quer fazer um filme com um diretor rival.

Ele se enche de ciúmes quando um serial killer que mira cineastas famosos em Teerã decide ignorá-lo.

Ele pergunta para sua mãe quando será assassinado e ela lhe garante que o assassino guardou o melhor para o final – fazendo com que ele fosse falsamente citado como o assassino nas redes sociais.

Ele possui somente sua mãe, esposa e filha para protegê-lo de ser decapitado e de provocações online.

Khook – Pig segue os passos de Taxi, do cineasta iraniano banido Jafar Panahi, que venceu o Urso de Ouro de Berlim de Melhor Filme por sua representação de um taxista levando pessoas por Teerã em uma condenação à censura.

Diretores de cinema no Irã enfrentam censuras, e até mesmo prisão, caso ultrapassem normas aceitas sobre questões como sexo e política.

No entanto, Haghighi, que planeja exibir seu filme no Irã, disse estar cansado de perguntas constantes de jornalistas sobre suas visões políticas e censura no Irã.

“Quantas vezes temos que ouvir isto? Sim, há censura no Irã. Sim, é difícil viver com isto e sim, nós estamos lidando com isto. Mas há muito mais para discutir”, disse.

Khook – Pig é um dos 19 filmes competindo pelo Urso de Ouro de Berlim, que será entregue no dia 24 de fevereiro.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.