Angela Weiss/ AFP
Angela Weiss/ AFP

Kevin Spacey é investigado por novo caso de abuso sexual nos EUA

Ator enfrenta acusação por pelo menos seis casos no Reino Unido

EFE

23 de agosto de 2018 | 11h22

O ator americano Kevin Spacey está sendo investigado em Los Angeles (Estados Unidos) por um novo caso de suposto abuso sexual, informou na quarta-feira, 22, o jornal Los Angeles Times.

Uma porta-voz do departamento do xerife do condado de Los Angeles afirmou que a suposta agressão aconteceu em outubro de 2016, em Malibu, cidade localizada a 50 quilômetros do centro de Los Angeles.

As autoridades locais já estavam investigando o ator por outro caso semelhante, que supostamente ocorreu em outubro de 1992, em West Hollywood.

O jornal apontou, no entanto, que mesmo que as acusações contra Spacey sejam verdadeiras, os crimes teriam sido prescritos.

Fora de Los Angeles, o ator está sendo investigado por pelo menos seis casos mais de abuso sexual no Reino Unido.

Vencedor de dois Oscars por Os Suspeitos (1995) e Beleza Americana (1999) e considerado como um dos melhores intérpretes da sua geração, a carreira de Spacey entrou em declínio após as várias acusações de agressão sexual contra ele.

Como consequência destas revelações, ele foi demitido de House of Cards, onde era um dos protagonistas da série, e o cineasta Ridley Scott eliminou todas suas cenas no filme Todo o Dinheiro do Mundo (2017) e as filmou novamente com Christopher Plummer como substituto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.