Kate Winslet critica padrão esquelético da moda

A atriz americana Kate Winslet criticou a aparência esquelética das modelos e refletiu sobre a influência negativa que esta imagem pode ter para mulheres e meninas afirmando não ter revistas de moda em sua casa por medo de que sua filha de 6 anos as veja. "É somente uma questão de tempo antes que ela perceba estas coisas e isso me assusta muito. É que eu não gosto e não proponho uma perfeição de um corpo que é sempre mais magro", disse a atriz, cujo último filme, The Holiday, foi lançado nas salas britânicas este fim de semana. Segundo Kate, esta tendência "é inacreditavelmente assustadora porque as garotas já se impressionam com este mundo com 11, 19, quando muito com 20 anos". Críticas a respeito deste modelo esquelético de beleza foram feitas também neste fim de semana pela atriz britânica Billie Piper, que ainda muito jovem sofreu com a anorexia. Em uma entrevista à revista Glamour, Billie declarou estar preocupada com todas as meninas - começando por sua irmã, Ellie, de 13 anos - que consideram pessoas "minúsculas", como Victoria Beckham, padrões a serem seguidos.Anorexia O mundo da moda vem sofrendo cada vez mais pressão para promover um visual saudável. A Espanha barrou modelos com um peso muito abaixo na semana de moda de Madri, em setembro, e o governo da Itália está trabalhando em um manifesto para coibir o uso de adolescentes magérrimas na passarela.O ministro da Cultura britânico pediu a proibição de modelos muito magras na semana de moda de Londres, enquanto o ministro da Saúde da Índia alertou para o número crescente de jovens que "passam fome" de propósito.No Brasil, depois da morte da modelo Ana Carolina Reston, de 21 anos, em novembro, vítima de anorexia nervosa, os organizadores da São Paulo Fashion Week, que acontece em janeiro, criaram novas regras para os desfiles. Agora, meninas com menos de 16 anos não poderão mais desfilar na SPFW e serão pedidos laudos médicos das modelos antes de entrarem nas passarelas. Haverá ainda palestras sobre distúrbios alimentares durante a semana do evento. Os fashionistas de todo o mundo se dividem sobre a questão, com muitos estilistas e modelos dando as costas para o problema, que leva muitas garotas a desenvolver desordens alimentares como anorexia e bulimia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.