Jeenah Moon/Reuters
Jeenah Moon/Reuters

Júri de Weinstein indica que ele pode ser culpado

Produtor, que é acusado de assédio sexual, não conta com a simpatia dos jurados, que podem condená-lo

Reuters, O Estado de S. Paulo

23 de fevereiro de 2020 | 19h04

Nova York. Os jurados do julgamento por abuso sexual do produtor de cinema Harvey Weinstein retomarão as deliberações nesta segunda-feira, 24, depois de sugerirem que podem estar chegando a um veredicto de culpado em pelo menos uma das cinco acusações contra o megaempresário.

Os sete homens e cinco mulheres do júri perguntaram ao juiz James Burke na tarde desta sexta-feira se poderia não haver consenso em duas acusações de agressão sexual predatória e serem unânimes nas outras três, que incluem estupro em primeiro grau.

Burke disse aos jurados que não é incomum que os jurados tenham dificuldade em chegar a um veredicto unânime, mas que a maioria acaba conseguindo fazê-lo.

“Por favor, retomem suas deliberações”, afirmou ele.

A condenação pelas acusações de agressão predatória, que têm uma sentença potencial de prisão perpétua, indicaria que Weinstein é um reincidente sexual. Duas das outras acusações podem levar à pena de prisão de até 25 anos, enquanto a terceira é de até 4 anos.

Mais tarde o júri encerrou seus trabalhos nesta sexta e deve continuar a deliberar na segunda-feira, 24.

Weinstein, de 67 anos, foi acusado de estuprar Jessica Mann, uma ex-aspirante a atriz, e de agredir sexualmente a ex-assistente de produção Mimi Haleyi.

Anna Sciorra, mais conhecida por seu papel em Família Soprano, da HBO, testemunhou que Weinstein foi ao apartamento dela em Nova York em uma noite de inverno em 1993 ou 1994, a estuprou e a forçou a fazer sexo oral.

Essa acusação é antiga demais para ser considerada um crime separado, mas serve como fator agravante para a acusação mais grave do caso, agressão sexual predatória.

Os jurados podem condenar Weinstein por agressão sexual predatória se entenderem que ele cometeu a agressão contra Sciorra e pelo menos um dos supostos crimes contra Haleyi ou Mann.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.