Jennifer Lopez se defende

Jennifer Lopez nega a história que circulou na semana passada na imprensa americana de que ela pediu a seus assistentes que jogassem fora todas a sua correspondência de fãs. A decisão teria sido tomada logo depois que ela teria sido mencionada como a destinatária da carta com antraz recebida na redação da empresa American Media, na Flórida. Seu assessor de imprensa, Alan Neirob, disse que a investigação do FBI nunca confirmou oficialmente uma relação da carta com o nome da cantora e atriz. Segundo ele, a correspondência era para a empresa, não para ela. Vários nomes de Hollywood pararam de abrir suas cartas de fãs. Alguns até têm mandado a correspondência de volta para o remetente, como a cantora Gloria Estefan.

Agencia Estado,

29 de outubro de 2001 | 13h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.