Jennifer Aniston não está noiva, insiste seu porta-voz

Jennifer Aniston não está noiva do namorado Vince Vaughn, insiste Stephen Huvane, porta-voz da atriz, segundo o site de fofocas britânico FemaleFirst.com. O boato se espalhou depois que a revista norte-americana "Us Weekly" publicou, na capa da última edição, que o casal de atores vai oficializar a união. "Ela tem mesmo um anel, ele não fez o pedido (de casamento) e eles não estão noivos. Eu não poderia ser mais claro", declarou Huvane ao jornal "New York Daily Post". Segundo a "Us Weekly", o ator fez a proposta de casamento em 27 de junho, quando o casal voltava para Los Angeles em um jatinho privado depois de uma romântica viagem de nove dias para Puerto Vallarta, no México. Vaughn teria, de joelhos, pedido a mão de Jennifer em casamento oferecendo, segundo fontes, um substancial anel de diamante. "Ele pretendia fazer o pedido na praia, durante a viagem, mas ficou com medo porque não tinha certeza se Jennifer aceitaria ou não", disse uma fonte. "Mas ele sabia que teria que deixar a cidade (Los Angeles) por uns tempos (para filmar no sul de Dakota) e sentiu que tinha que fazer a proposta antes que eles pisassem em terra firme". Se a atriz oficializar mesmo a união com Vaughn, será seu segundo casamento - ela acertou, em fevereiro, os últimos detalhes do divórcio com o ator Brad Pitt, com quem foi casada por quatro anos. A relação chegou ao fim quando Pitt iniciou seu relacionamento com a atriz Angelina Jolie, enquanto filmavam "Sr. e Sra. Smith" (2005). Eles tiveram sua primeira filha biológica, Shiloh Nouvel Jolie-Pitt, em 27 de maio, na Namíbia, África, e têm dois filhos adotivos, o cambojano Maddox e a etíope Zahara.Jennifer Aniston, de 37 anos, conhecida como a Rachel da série de televisão "Friends", iniciou o namoro com Vince Vaughn, de 36 anos, durante as filmagens de "Separados pelo Casamento" (2006). O filme de Peyton Reed estreou no Brasil neste ano e conta a história de um casal que decide se separar depois de dois anos morando debaixo do mesmo teto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.