Jordan Strauss/AP
Jordan Strauss/AP

Jeff Bridges, ator de 'O Grande Lebowski', revela que está com câncer

Vencedor do Oscar por 'Coração Louco' (2009), astro foi diagnosticado com um linfoma, mas garantiu que os médicos estão otimistas

AFP, Redação

20 de outubro de 2020 | 07h34

O vencedor do Oscar Jeff Bridges anunciou nesta segunda-feira, 19, que foi diagnosticado com um linfoma, mas garantiu que os médicos estão otimistas em relação a sua recuperação.

Bridges, de 70 anos e um dos atores mais famosos e consistentes de Hollywood, não revelou de que tipo de linfoma sofre, mas afirmou já ter iniciado tratamento.

"Como o 'Dude' diria", iniciou Bridges em uma mensagem no Twitter, em referência ao seu icônico personagem no filme O Grande Lebowski, "Merda nova veio à luz".

"Fui diagnosticado com um linfoma. Embora seja uma doença grave, me sinto sortudo de ter uma grande equipe de médicos e o prognóstico é bom", completou o ator.

"Estou profundamente agradecido pelo amor e apoio de minha família e amigos", completou. "Obrigado por suas orações e bons votos. E, agora que tenho sua atenção, por favor lembrem de votar" nas eleições presidenciais dos Estados Unidos, em 3 de novembro.

O linfoma é um tipo de câncer do sistema linfático, que é parte do organismo que mantém o equilíbrio dos fluidos no corpo.

Bridges pertence a uma família de atores, como seus pais Dorothy e Lloyd, com quem estreou na televisão ainda criança em 1958 na série Sea Hunt, antes de migrar ara o cinema.

Com mais de seis décadas de experiência e tendo atuado em 91 obras, Bridges tem sete indicações ao Oscar e ganhou uma estatueta de melhor ator por Coração Louco (2009), no qual mostrou seus dons musicais ao interpretar um cantor alcoólatra que tenta voltar a fazer sucesso.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Jeff Bridgescâncercinema

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.