Itália vai criar normas para restauração de filmes

A ministra de Cultura da Itália Giovanna Melandri está preparando uma ?Carta de Restauração?, para criar normas gerais no processo de recuperação do arquivo de filmes italianos. O documento deve estar pronto no começo de 2001. ?Espero que isso sirva de referência para as políticas de restauração cinematográficas européias". Segundo ela, os filmes são tão importantes como os afrescos de Del Giotto. O anúncio foi feito durante a inauguração do Museu do Cinema de Turim. Por ser uma das pioneiras no mundo da sétima arte, a Itália conta hoje com o maior arquivo de filmes. A cinemateca só não é tão completa por que boa parte dos estúdios e materiais gravados acabaram destruídos durante a primeira guerra mundial. Os filmes mudos foram os mais prejudicados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.