Hotel de Francis Ford Coppola em Buenos Aires é roubado

Criminosos levaram dinheiro e objetos de valor do estabelecimento no bairro de Palermo

EFE,

20 Junho 2011 | 14h39

BUENOS AIRES - Um grupo de criminosos roubou dinheiro e vários objetos de valor do hotel que o cineasta americano Francis Ford Coppola tem em Buenos Aires. Funcionários do hotel confirmaram o roubo à imprensa local, mas não forneceram mais detalhes para não atrapalhar a investigação policial.

 

O Hotel Jardin Escondido, de 550 metros quadrados, está situado no bairro portenho de Palermo e tem dois andares, recepção, sete quartos e uma piscina. O imóvel já tinha sido roubado em 2007, quando o cineasta se encontrava na cidade preparando seu filme Tetro - o edifício estava sendo utilizado como escritório da produtora que criou no país para a gravação do longa.

 

Na ocasião, os criminosos levaram equipamentos de filmagem e computadores nos quais Coppola, que não estava no interior do edifício, tinha guardado o roteiro do filme, além de objetos pessoais. Apesar dos contratempos, o filme, escrito, produzido e dirigido por Coppola, foi finalmente filmado na capital argentina em 2008.

Mais conteúdo sobre:
Buenos Aires Francis Ford Coppola

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.