Homenagem de Sundance aos Almodóvar é adiada

A homenagem que o Instituto Sundance pretendia fazer aos irmãos Pedro e Agustín Almodóvar esta semana teve que ser adiada por problemas na agenda do cineasta espanhol, segundo fontes de sua produtora.O Instituto anunciou em janeiro passado que faria uma homenagem ao trabalho "inovador" do diretor Pedro Almodóvar e de seu irmão Agustín, que é produtor, durante o jantar de gala que promove anualmente e que está programado para amanhã, no Gotharm Hall de Nova York.Os irmãos Almodóvar ficaram encantados e se sentiram muito honrados quando souberam da homenagem, disseram à EFE fontes da produtora dos dois, El Deseo. As fontes acrescentaram que o cineasta está totalmente mergulhado na produção de seu novo filme, que se chamará Volver (Voltar, em tradução livre), razão pela qual não poderá estar presente na noite da gala e a homenagem teve de ser adiada.Segundo declarações do ator e diretor Robert Redford, promotor, presidente e fundador do Instituto Sundance, na noite da cerimônia são apresentados os artistas mais inovadores de todo o mundo e homenageados aqueles "cujo trabalho personifica a independência, o arrojo e a criatividade".Os irmãos Almodóvar iriam compartilhar esta honra com o dramaturgo Tony Kushner, autor de Angels in America, e o empresário Howard Schultz, presidente da companhia Starbucks. O ato é independente do Festival de Sundance, que aconteceu em janeiro em Park City.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.