Marvel Studios
Marvel Studios

'Homem-Aranha: Sem Volta para Casa' bate recorde de bilheteria no Brasil e nos EUA

Filme estreou na última quinta-feira, 16, e teve mais de 1,7 milhão de espectadores por aqui, rendendo R$ 34 milhões em bilheteria

Tiyashi Datta e Redação, Reuters

17 de dezembro de 2021 | 18h41

A rede de cinemas AMC Entertainment Holdings informou, nesta sexta-feira, 17, que quase 1,1 milhão de pessoas assistiram Homem-Aranha: Sem Volta para Casa em seus cinemas nos Estados Unidos, uma estreia recorde para um filme nas salas de exibição da empresa em dezembro.

No Brasil não foi muito diferente. Segundo dados Comscore Movies BRA, o filme bateu recorde histórico e se tornou a maior estreia de todos os tempos do cinema no Brasil. De acordo com a empresa de medição de público, somando resultados da pré-estreia e do primeiro dia de exibição, o filme acumula mais de 1,7 milhão de espectadores e R$ 34 milhões em bilheteria.

Homem-Aranha: Sem Volta para Casa tem Tom Holland no papel do herói lançador de teias da Marvel e Zendaya como sua namorada, MJ.

O filme já recebeu resenhas entusiasmadas dos críticos de cinema, o que fez analistas de bilheterias preverem que a aventura do super-herói estabelecerá recordes de vendas de ingressos na pandemia no próximo final de semana.

Até a tarde desta sexta-feira, Sem Volta para Casa havia recebido 95% de notas positivas de 207 resenhas compiladas pelo site Rotten Tomatoes.

"Este foi o maior número de pessoas assistindo um filme em um dia nos cinemas da AMC nos EUA durante os anos de 2020 e 2021", disse a maior rede de cinemas do mundo.

De forma semelhante, a Cinemark Holdings disse que o novo Homem-Aranha rendeu sua maior bilheteria de noite de estreia de todos os tempos nos EUA.

Depois de um ano de fechamentos e restrições devidos à crise de saúde global, o ímpeto crescente da variante Ômicron da Covid-19 no país parece ter pouco impacto no lançamento mais recente da Marvel.

No início deste mês, a Odeon Cinemas, que é de propriedade da AMC e tem sede em Londres, disse que a venda de ingressos para o filme foi o triplo daquela do recentemente lançado 007 - Sem Tempo para Morrer.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.