"Homem-Aranha", o filme, gera processo

O longa-metragem Homem-Aranha ainda não chegou aos cinemas, mas já motivou um protesto. Os donos de umedifício de Times Square, em Manhattan, entraram com um processocontra a Columbia Pictures por ter alterado digitalmente umoutdoor que aparece no filme. O anúncio da empresa Samsung foisubstituído por um do jornal USA Today, em três cenas dofilme. A Samsung é concorrente, no Japão, da Sony, que é dona daColumbia Pictures. A assessoria de imprensa do USA Today dizque o jornal não pagou nada para aparecer no filme. Emcomerciais de TV, o outdoor da Samsung foi substituído pelo deuma operadora de telefones celulares. A Sony não se pronunciou sobre o processo. Homem-Aranha chega aoscinemas brasileiros em 17 de maio, duas semanas depois deestrear nos Estados Unidos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.