Hollywood revê período de caça às bruxas

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, que organiza o Oscar, vai fazer uma exposição sobre um dos períodos negros da indústria do cinema, a caça às bruxas dos anos 40 e 50. Fitas de vídeo, áudio, trechos de filmes, fotografias e documentos vão recontar a perseguição a roteiristas, produtores, diretores e atores que foram boicotados por suspeitas ou acusações de que teriam ligações com o Partido Comunista americano. A exposição vai mostrar depoimentos dados à comissão liderada pelo senador Joseph McCarthy. Um dos destaques da mostra vai ser Elia Kazan, o diretor que sujou sua própria reputação ao "dedurar" ao Congresso companheiros de Hollywood.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.