Hollywood recua e admite envio de filmes à Academia

Pressionados por diretores, roteiristas, atores e críticos, os estúdios de Hollywood recuaram e aceitaram enviar cópias de seus lançamentos para avaliação dos membros votantes do Oscar. Eles haviam banido o procedimento para impedir a pirataria. A decisão obrigaria os críticos a assistir aos filmes unicamente nos cinemas, o que poderia prejudicar as produções menores e de distribuição mais limitada.Conforme anúncio feito hoje, porém, os estúdios não chegaram a ceder totalmente. As cópias serão enviadas apenas aos membros da Academia que organiza o Oscar - cerca de 5,6 mil -, deixando de fora prêmios importantes como o Globo de Ouro, entre outros. Além disso, os votantes terão de se comprometer a não repassar as cópias a ninguém.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.