Hollywood finaliza preparativos para cerimônia do Oscar

Pelo Hollywood Boulevard passarão astros como Kate Winslet, Brad Pitt, Angelina Jolie, Mickey Rourke

EFE,

21 de fevereiro de 2009 | 22h04

Hollywood finaliza os preparativos da 81.ª edição do Oscar, neste sábado, 21, o maior evento cinematográfico do ano, em cujos bastidores trabalham centenas de operários para ornamentar o Teatro Kodak, de Los Angeles, e seus arredores. O Hollywood Boulevard se transformará novamente no centro das atenções, com a presença de astros como Kate Winslet, Brad Pitt, Angelina Jolie, Mickey Rourke e Penélope Cruz, que concorrem a uma estatueta na maior premiação do cinema mundial. Desde 16 de fevereiro, as autoridades interditaram o tráfego em torno do teatro, e começaram a ser instaladas as arquibancadas, a iluminação e uma tenda transparente que já recobre a zona por onde os famosos entrarão. A instalação do tapete vermelho é uma das tarefas mais difíceis para os operários contratados pela organização, que têm que forrar todo o caminho que leva à entrada do teatro. As estrelas percorrerão esse espaço sob o olhar de cerca de dez reproduções gigantes da estatueta do Oscar, cada uma com mais de 1,6 metro, construídas com fibra de vidro e pintadas de dourado, assim como de mais de 70 mil flores. As maiores novidades da cerimônia deste ano estarão, no entanto, dentro do teatro, selado para manter a surpresa sobre as anunciadas mudanças realizadas para atrair mais audiência. Os jornalistas que cobrirão o evento, que será transmitido a mais de 200 países através do sinal da emissora americana "ABC", pouco puderam conhecer sobre o que será visto no dia 22. Foi divulgada, no entanto, a informação de que haverá 12 palcos, um dos quais com uma banda que substituirá a tradicional localização da orquestra. Tem tudo para chamar a atenção a cortina fabricada com cerca de 100 mil cristais de Swarovski, que estará pendurada a 18 metros de altura e terá 30 metros de comprimento. À cerimônia de entrega dos prêmios são esperadas três mil pessoas com convite, um número bem superior ao público presente na primeira edição do evento, em 1929. Naquela época, 250 pessoas participaram da festa organizada no hotel Roosevelt, e pagaram US$ 10 pela entrada. Como é de praxe, as estrelas deverão comemorar as estatuetas recebidas - ou não - em algumas das muitas festas que estão sendo preparadas em Los Angeles. A maior ocorrerá no salão Governors Ball, perto do Kodak, onde 1.500 pessoas devem comparecer a uma festa que terá a atuação da cantora Barbara Morrison, do trompetista Rick Braun e do saxofonista Richard Elliot. Outras celebrações previstas para a noite de 22 de fevereiro serão as da revista Vanity Fair, a da popular apresentadora Oprah Winfrey e a do artista do pop Prince.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.