Hollywood fecha balanço do ano 2000

Circula em Hollywood a listas dos estúdios que mais faturaram no mercado americano em 2000. No topo da lista, com US$ 844,2 milhões, figura majestoso o nome da Universal, empresa dona de títulos como Erin Brockovich, O Professor Aloprado 2 e O Grinch, longa estrelado por Jim Carrey que deve atingir até o fim do mês a marca de US$ 250 milhões. Em segundo lugar, com US$ 818,1 milhões, aparece o nome da Buena Vista, empresa subsidiária da Walt Disney, dona de sucessos, como a animação Dinossauro, responsável pelo montante de R$ 132,7 milhões, e 60 Segundos, uma bilheteria de US$ 100,9 milhões.Em terceiro, com US$ 664,8 milhões, segue a Dreamworks, empresa de Steven Spielberg, com filmes como Gladiador (US$ 186,6 milhões) e Revelação (US$ 155,1 milhões). A Warner Bros., que fez barulho com o lançamento de Mar em Fúria, estrelado por George Clooney, e Caubóis no Espaço, de Clint Eastwood, conquistou a quarta posição com os seus US$ 648,8 milhões. A Fox, estúdio de Eu, Eu Mesmo Irene, X-Men e Vovó...zona, vem em quinto lugar com a soma de US$ 532,3 milhões. A Paramount fica com o sexta colocação e com o segundo maior sucesso de 2000: Missão Impossível 2, longa com Tom Cruise de US$ 215, 3 milhões. Vale lembrar que o estúdio amargou também um dos maiores fiasco do ano, Sobrou pra Você, filme estrelado por Madonna. A Sony, dona de títulos como O Patriota, O Homem Invisível e As Panteras, ficou em sétimo lugar com US$ 450 milhões e a New Line, estúdio de sucessos como Alta Freqüência e Premonição, conquistou a oitava posição com US$ 262,2 milhões.

Agencia Estado,

29 de dezembro de 2000 | 12h49

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.